Pesquisar no blog

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Bicicleta - meio de transporte saudável inclusive para o planeta

Volto a baila para falar sobre mobilidade.

Vi a reportagem abaixo que mostra como várias cidades do mundo investem e incentivam o uso da bicicleta como meio de transporte.

Para o prefeito de Paris, as pessoas só deixarão de utilizar o carro e a moto (os maiores responsáveis pela poluição nas cidades) se houver opções de transporte. A bicicleta pública, o bonde elétrico e o metrô são uma delas. Só em Paris, espera-se que por dia mais de 100 mil pessoas utilizam uma bicicleta pública. Ao todo são 20 mil bicicletas.

Segundo dados apresentados pelo prefeito de Paris, caiu consideravelmente a emissão de gases do efeito estufa. Além disso, o uso da bicicleta como meio de transporte melhora a qualidade de vida das pessoas. E se fizerem um estudo nesse sentido, perceberão fatalmente que o Poder Público economizará no sistema de saúde e de previdência, além de aumentar a produtividade nas empresas e escritórios.

O Brasil está longe disso, mas muitas empresas estão contratando "officeboys" para entregar as encomendas de bicicleta. Uma boa economia para quem contrata esses serviços. E São Paulo, apesar de não ter ciclovias suficientes e adequadas por toda a cidade, implantou um sistema de aluguel de bicicletas.

Em reportagem das últimas semanas de 2008, a Revista Veja publicou uma matéria informando que a produção mundial de bicicletas aumentou 50% e a indústria desse setor não vê crise. Só no Brasil, a venda de bicicletas cresceu 20% nos últimos dois anos. Em 2007, foram comercializados 5,5 milhões de unidades.


4 comentários:

Ricardo Rossin disse...

Lembro dos meus tempos de Bicing em Barcelona. 24 euros por ano para usa-las. Tinha em toda a cidade.

Marco Antonio Borges Netto - Marcão disse...

Um dia chegamos lá.

Edgar Pereira disse...

Pois é, aqui em Curitiba ainda estamos esperando... Quando (e se) esse serviço sair, as pessoas poderão alugar uma bicicleta por R$50,00 ao ano, através de um cartão eletrônico. Parece que a prefeitura lançou licitação duas vezes para a administração do serviço, mas nenhuma empresa apareceu...

Marco Antonio Borges Netto - Marcão disse...

Edgar, espero que a espera um dia acabe e o serviço seja de qualidade.