Pesquisar no blog

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Na cidade sem meu carro


A pessoa que trabalha aqui em casa disse que esse dia serve para tumultuar ainda mais o trânsito.

Segundo ela, a pessoa não vai deixar o carro pois o transporte público é ruim.

A adesão é baixa, principalmente do Poder Público, que não faz investimentos de qualidade no transporte público. Dificilmente os políticos abandonarão os carros e helicópteros.

Ou alguém acha que os Governadores de Minas Gerais usarão a "Linha Verde" para trabalharem no novo Centro Administrativo?!?!

5 comentários:

Clique aqui para ver o produto no site disse...

Curso Maquete Eletrônica com 3DS Max + Vray em 14 DVDs, confira:

http://www.maquete.virtualkit.com.br

Alberto disse...

Marcão fiz quase um post lá embaixo, hehe... não deixe de ver, pls.

Marco Antonio Borges Netto - Marcão disse...

Alberto,

Não encontrei o "quase post" e o Blogger não me notificou.

Abraços.

Edgar Pereira disse...

Pois aqui em Curitiba, capital com maior proporção de veículo por habitante (1,67 habitante por veículo), além de a chuva ter atrapalhado o dia sem carro (as atividades foram encerradas mais cedo do que o previsto), houve uma série de congestionamentos pela parte da manhã. Mais uma prova de que o sistema público de transporte por aqui, que já foi modelo, está defasado e necessita URGENTEMENTE de uma reestruturação. Não é à toa que, em uma década, a frota de automóveis aumentou 60%, enquanto a população cresceu 15,8%.

Marco Antonio Borges Netto - Marcão disse...

Pois é, Edgar.

Enquanto ficarmos tampando o Sol com a peneira e não concretizar o discurso, fica difícil.

Abraços.