Pesquisar no blog

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Duchamp e a visão


Aproveitando que Marcel Duchamp ainda está no Brasil, trago a seguinte reflexão.

Duchamp acreditava que as coisas feitas em série e em grande quantidade tinham seu valor renegado, passavam despercebidas, ninguém as vê. Hoje, de certa forma, vivemos o que Duchamp viveu no início do século XX, só que além das coisas continuarem sendo produzidas como antes, são cada vez mais descartáveis e a nossa vida é medida não mais pelo tempo, e sim pela velocidade. Todo mundo vive "correndo".

E de tanto correr - assim como na época de Duchamp - continuamos sem ver muita coisa.

Mas uma coisa me chamou a atenção. É que a partir desta segunda-feira, dia 11 de agosto, a Galeria de Arte da Biblioteca Padre Alberto Antoniazzi receberá a exposição Croquis de Ouro Preto, do professor de Arquitetura e Urbanismo, Álvaro Paiva. A exposição apresenta desenhos na técnica de grafite sobre o papel, sendo boa parte deles realizados nas aulas de desenho de observação na cidade de Ouro Preto. A mostra estará aberta para a visitação até o dia 13 de setembro, de segunda a sexta, das 8h às 22h30 e, aos sábados, das 8h às 16h.

A palavra desenho nos trás arrepios, até para nós, arquitetos ou aprendizes de. Mas, de todo modo, o desenho é uma ferramenta importante para nós, principalmente arquitetos ou quase, nos comunicarmos e vermos.

E correndo assim, ninguém vê.

Ixê. Depois a gente conversa mais. Tô numa correria!

2 comentários:

Wander Veroni disse...

E aí cara, blza!

Gosto de amostras de desenhos, principalmente de edificações históricas. É uma dica mto boa!

Fico feliz de encontrar um blog mineiro. Tb sou de BH.

Aqui, quero lhe convidar para passar no meu blog, o Café com Notícias.

Abcs,

=]
__________________________
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Marco Antonio Borges Netto - Marcão - revistacrise@email.com disse...

Obrigado, Wander.

Já visitei o seu blog e retornarei mais vezes. Gostei muito. Parabéns.

Volte sempre aqui.

Abraços.