Pesquisar no blog

sábado, 20 de setembro de 2008

Educação e Arquitetura: uma proposta



Na blogosfera e na emailosfera estamos discutindo muito a falta de debates sobre arquitetura e urbanismo. E quando o debate é instaurado, ele é superficial, pobre de bons argumentos e de opiniões relevantes.

Ao contrário, quando discute-se eleições municipais ou norte-americanas, o debate é incrivelmente enriquecedor e muito participativo.

Fernando Lara, em seu blog Parede de Meia, compartilhou com os leitores a notícia de que em um congresso em Londres discutiram se as escolas de arquitetura e urbanismo são realmente necessárias e fundamentais. Essa questão é apresentada na última Revista aU.

Sou catecúmeno, como sabem. E como tal, percebo que o ensino de projeto é deficitário sim (vivenciei essa experiência em duas faculdades). E somos todos responsáveis: professores, alunos, dirigentes e currículos. Essa discussão deve ser exaustivamente colocada em pauta.

No meio desse turbilhão, ocorreu-me uma idéia. Pode não ser nova, mas apresentarei:

Todas as faculdades de Arquitetura e Urbanismo deveriam selecionar os 3 melhores Trabalhos de Final de Graduação de cada ano. As revistas especializadas, em parceria com os IAB, CREA, etc., montariam uma comissão para julgar os melhores de acordo com critérios definidos por ela. Seriam eleitos os melhores de cada região ou estado, por exemplo.

E os trabalhos vencedores seriam publicados em uma revista que circularia como um número especial da aU e/ou da Projeto Design, etc..

Assim o estudante fará o TFG não só para cumprir tabela ou por formalidade e o professor será mais profissional nas orientações.

Viva a meritocracia!!!

5 comentários:

Thiago Beck disse...

Eu concordo com isso...
Este sistema de eleição dos 3 melhores trabalhos de cada semestre de PA e eventualmente o melhor da faculdade já está funcionando bem na faculdade em que estudo (os melhores do semestre passado podem ser vistos no nosso blog). No início do semestre seguinte, na aula inaugural, o melhor projeto é chamado e ganha um prêmio representativo, além da menções honrosas.
O segundo passo seria realmente levar isto para um âmbito regional e nacional.
Parabéns pelo blog. Não deixe de visitar o nosso e participar da promoção Deus está nos detalhes
http://vistadoobservador.blogspot.com

Marco Antonio Borges Netto - Marcão - revistacrise@email.com disse...

Pois é.

Creio que premiações como essas devem ser incentivadas sempre.

Parabéns pela iniciativa da faculdade onde esstuda. E, mais uma vez, pelo blog também

Thiago Beck disse...

Muito obrigado pelo seu comentário lá também. Estudo no CES em Juiz de Fora-MG. Ainda não há nenhuma turma formada, e a mais antiga é a do 7º período (estou no 6º). A competição é interessante, mas infelizmente a coisa ainda não está tão bem organizada... Mas é isso aí! vou levar os seus post para o pessoal da direção, e propor alguma interação com a outra faculdade de arquitetura da cidade e quem sabe algo regional!

Marco Antonio Borges Netto - Marcão - revistacrise@email.com disse...

Acho que tem que ter concursos, sim. Daqueles bem rigorosos. Acho boa a sua iniciativa.

Thiago Beck disse...

Rigorosos e justos! Hahahah aí que começa a complicar!